Cortes de Carne Menos Conhecidos para Experimentar no Jantar

Cortes de Carne Menos Conhecidos para Experimentar no Jantar

 

 

Explorar novos cortes de carne pode transformar completamente sua experiência culinária, introduzindo sabores e texturas que você talvez nunca tenha considerado antes. Enquanto os cortes mais populares como filé mignon, costela e picanha dominam os cardápios e churrasqueiras, existe um mundo de opções menos conhecidas esperando para ser descoberto. Vamos mergulhar em alguns desses cortes de carne menos famosos que podem ser as estrelas do seu próximo jantar.

1. Flat Iron Steak

Originário do ombro do boi, o Flat Iron Steak é excepcionalmente macio, rivalizando até mesmo com cortes mais caros. Este corte é caracterizado por seu rico sabor e textura marmorizada. É ideal para grelhar rápido em altas temperaturas e fica delicioso com apenas um pouco de sal e pimenta ou uma marinada simples. Sirva-o fatiado finamente para maximizar a suculência e o sabor.

2. Teres Major

Conhecido como o “segundo filé”, o teres major é um corte pequeno e macio localizado no ombro do boi. Devido ao seu tamanho menor e à maciez, é um excelente candidato para métodos de cozimento rápido como grelhar ou saltear. Com um sabor profundo e uma textura que pode competir com cortes mais nobres, o teres major é uma opção de luxo a um preço acessível.

3. Bavette

A bavette, ou fraldinha, é um corte longo e plano da seção abdominal do boi. Popular na culinária francesa, mas muitas vezes subestimado em outras cozinhas, oferece um sabor intenso e uma textura mais firme. É melhor quando marinado e grelhado ou frito rapidamente, sendo ideal para pratos como fajitas ou saladas de carne. Corte sempre contra a fibra para garantir a maciez.

4. Tri-Tip

O tri-tip é um corte triangular retirado da parte inferior da alcatra. Popular na região da Califórnia, mas menos conhecido em outras partes do mundo, esse corte é ideal para churrasco devido ao seu sabor rico e marmorização moderada. Pode ser assado, grelhado ou cozido lentamente, tornando-o versátil e adequado para uma variedade de pratos.

5. Ossobuco

O ossobuco é um corte de carne que inclui a perna do boi, cortada transversalmente de modo que o osso fique no centro, cercado por uma carne cheia de sabor. Tradicionalmente usado na cozinha italiana para o clássico prato de ossobuco alla milanese, é cozido lentamente até que a carne esteja extremamente macia e o tutano, suave e saboroso, possa ser saboreado.

6. Skirt Steak

O skirt steak, conhecido no Brasil como fraldinha, é um corte longo e fino que é incrivelmente saboroso. Embora possa ser um pouco mais duro do que outros cortes, quando preparado corretamente, torna-se deliciosamente suculento. É o corte tradicional para fajitas e churrascos, e sua textura única o torna ideal para absorver marinadas.

7. Hanger Steak

O hanger steak, ou ligamento diafragmático, é um corte saboroso que vem da área do diafragma do boi. Este corte é conhecido por seu sabor acentuado e, embora possa ser um pouco mais duro, cozinhar em fogo alto e cortar contra a fibra pode garantir uma textura macia. É perfeito para bifes grelhados, sanduíches de carne ou tacos.

8. Merlot Cut

Um corte relativamente novo, o merlot cut vem da parte inferior da perna e é notavelmente macio e saboroso. Devido à sua localização, absorve bem os sabores e é ideal para cozimento lento, assados ou sopas. É uma opção econômica que oferece uma experiência gastronômica distinta.

9. Chuck Eye Roll

Parte do ombro do boi, o chuck eye roll é semelhante ao Ribeye, mas a um custo muito mais baixo. Este corte oferece um equilíbrio entre marmorização e sabor de carne. É ideal para grelhar, assar ou cozinhar lentamente, tornando-o versátil e perfeito para uma variedade de pratos.

10. Coulotte

Também conhecido como picanha no Brasil, o coulotte é o corte superior da alcatra. Este corte é famoso pela sua camada de gordura que, quando grelhada, proporciona um sabor incrível e uma textura suculenta. É ideal para assar ou grelhar e é tradicionalmente servido em churrascarias brasileiras.

Conclusão

Experimentar com cortes de carne menos conhecidos pode enriquecer sua experiência culinária, proporcionando novos sabores e texturas. Além disso, muitas vezes esses cortes são mais acessíveis do que os mais populares, permitindo que você explore sem quebrar o orçamento. Da próxima vez que você visitar o açougue, considere pegar um desses cortes menos tradicionais e surpreenda-se com o potencial que eles têm para oferecer.

Deixe um comentário